Portugal

Portugal é “aqui, onde a terra se acaba e o mar começa…”
Luís Vaz de Camões

Portugal, que já conta com oito séculos de existência, é uma das mais antigas nações da Europa – onde diferentes povos como os fenícios, celtas, romanos, germânicos, muçulmanos viveram em território português e deixaram marcas na língua, na lei e na religião que permanecem até os dias de hoje.
No século XII, Dom Afonso Henriques autoproclama-se rei e, assim, é fundado o reino de Portugal. Mais para a frente, durante a Era dos Descobrimentos, o país viveu o seu apogeu ao contar com os seus principais navegadores, Vasco da Gama e Pedro Álvares Cabral. E assim, Portugal torna-se o pioneiro das grandes navegações, conquistando assim os “novos mundos”.
O famoso terremoto de 1755 em Lisboa e as invasões napoleónicas resultaram numa profunda instabilidade, que após uma revolta fez aprovar a primeira constituição portuguesa. Em outubro de 1910 a monarquia termina e em seguida estabelece-se a República Portuguesa.
Por questões políticas e económicas – agravadas pela primeira guerra mundial – Portugal sofre uma ditadura militar conhecida como Estado Novo. Em 25 de Abril de 1974, data muito comemorada pelos portugueses, o regime ditatorial termina com a Revolução dos Cravos e a volta do país à democracia.
Hoje, Portugal é marcado por gente forte, acolhedora e carismática. Somos mais de 10 milhões que todos os dias vivemos a nossa cultura, história e gastronomia com amor, de norte a sul. Somos a terra do Fado, de Fernando Pessoa, de navegadores e desbravadores. Somos o sorriso aberto e o ombro amigo, que ao caído ajudamos a levantar. E, impulsionados por Deus, somos terra de valentes.